OficiaisQuadros Permanentes

Médico Naval

​​Missão/Função:

• Direção, inspeção e execução de atividades relativas ao serviço de saúde;

• Exercício da medicina nos comandos, forças, unidades, serviços, hospitais e postos médicos;

• Exercício de funções nas juntas médicas da Armada e noutros organismos que, no âmbito da saúde, requeiram conhecimentos técnico -profissionais próprios da classe;

• Desempenho de cargos internacionais em organizações criadas ou a criar no âmbito de acordos internacionais.


Condições de Admissão gerais:

​• Ter nacionalidade portuguesa;

• Não são permitidos “piercings”, tatuagens ou outras formas de arte corporal que sejam visíveis no uso dos uniformes n.º 3-B e n.º 4-B, com calças, sem luvas e sem boné - Despacho do ALM CEMA, n.º 39/17, de 02AGO.


Para ingresso no concurso extraordinário da classe de médicos navais:


• Ter idade igual ou inferior a 36 anos;

• Ter o Grau de Especialista das carreiras médicas civis e da especialidade para que foi aberto o concurso.


 

Para ingresso no concurso ordinário da classe de médicos navais:

• Ter idade igual ou inferior a 30 anos​;

• Frequentar o ano comum ou o internato de especialidade das carreiras médicas civis.


​​notas:

• Portaria n.º 632/78, de 21 de outubro - Condições de Admissão aos Concursos para Ingresso nos QP dos Oficiais Médicos - Ver aqui.

• Despacho do Almirante Chefe do Estado-Maior da Armada n.º 85/16, de 30 de novembro​ - Normas para execução dos concursos de admissão aos quadros permanentes da classe de médicos navais - Ver aqui​.

• Realização das provas de destreza física é de acordo com o Despacho do Almirante Chefe do Estado-Maior da Armada, nº 02/02, de 17 de janeiro.

.